sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Avatar Colaborador Nerd

Red Dead Redemption

Por Vinícius Cavagnolli

 

image

''Pegar uma arma e se preparar para a ação''.

Com essa frase dá para se iniciar uma descrição perfeita do jogo que é basicamente isso, pouca história muita ação. A história é fraca, é verdade, mas o game não decepciona, o enredo do jogo, apesar de existir, é confuso e deixa de revelar informações relevantes, quanto a jogabilidade não é das melhores, mas também não das piores, a câmera está mais para pior que para melhor, mas quando precisa-se de uma boa visão ela não decepciona.

Um dos pontos fortes do jogo é o vasto território dele. Com o seu cowboy fora-da-lei (no jogo, John Marston) você poderá andar livremente  para explorar os três locais disponíveis no jogo, dois no velho oeste norte americano e um no México, e ainda terá direito de desfrutar do visual e estilo de cada própria cidade. Quando chegar a uma cidade, encontrará pelo meio de sua jornada pacatos moradores tipicamente caracterizados, ferreiros, pastores de ovelhas… e belas garotas no 'saloon'. Ah, e também se encontra encrenca.

'Procurado'

Você que já assistiu um filme de faroeste (ou BANG-BANG como costuma ser chamado, infelizmente) vai se impressionar com o ponto mais positivamnete positivo do jogo: o visual e estilo. As pessoas falam e andam como caipiras de verdade tem até o ''R'' puxadinho, a arquitetura em estilo antigo, de velho oeste, também chama a atenção a vegetação rasteira e alguns cactos, além do detalhe - na minha opinião, o mais trabalhado pela Rockstar San Diego - da musculatura dos cavalos, ela é incrivelmente trabalhada, o movimento enquanto eles correm é impressionante.

E agora vou falar da coisa mais legal de todas: os cartazes de "Procurado". Eles estão espalhados pelas portas dos saloons e você é capaz de arrancá-los e ir comparando com cada pessoa que você vir aí. Capture o(a) criminoso(a) e receba a recompensa, mas lembre-se que embaixo sempre estará escrito ''Alive or Dead'', ou seja, vivo ou morto, pois você precisará de armas para isso. Como ainda não as citei, acho melhor fazê-lo aqui e agora: o arsenal é literalmente variado e perfeito ao mesmo tempo, vai de facas, revólveres a rifles de precisão (sniper), escopetas e metralhadoras, sem esquecer também da dinamite e do canhão.

 

image

image

E caso o queira vivo, use o sistema oferecido pelo jogo e acione o modo Dead Eye Targeting. Esse modo, uma espécie de bullet time. A tecnologia que o jogo tem, permite que os alvejados por um tiro tenham reações aleatórias e diretamente onde foram atingidos. Vejamos, se um oponente levar um tiro na mão, ele provavelmente largará a arma em mãos, dando assim, chances pra você aparecer e dar um tiro no pé dele, por exemplo, e por não conseguir ficar mais de pé ou se render a você ou sai rastejando. Se deixá-lo vivo e ele for até uma vila, você pode passar lá e todos te reconhecerão como um vilão de respeito ou se ajudar a prende-lo te reconhecerão como um herói, isso é um barato no jogo.

O dinamismo

Dinâmico demais, ao extremo, como vocês sabem Red Dead Redemption é um mundo vasto e cheio de possibilidades, então a Rockstar inseriu alguns detalhes bem interessantes e dinâmicos. Durante a sua jornada, você pode vir a passar por perto de um cão que esteja por ali, no meio da rua, e como na vida real acontece, ele pode querer mordê-lo ou não. Outras situações aleatórias vão acontecer de acordo com a missão em que você estiver. Ao entrar em uma cidade, uma gangue pode estar roubando um banco, você pode ajudá-los, impedí-los ou até mesmo ficar olhando, afinal o problema não é seu!

 

+/- Câmera não é das melhores que se tem

+ Jogabilidade é razoavelmente boa

++ Qualidade de som é um dos fortes do jogo

+++ Cenários são a principal aposta da Rockstar

+ Gráficos muito bons, mas que perdem para grandes produções nem tão novas quanto esse jogo (Uncharted 2, por exemplo)

++ Ação constante ao estilo faroeste

-- Controles que não são lá tão simples...

+++ Cenário quase totalmente interativo

Todo esse conjunto torna Red Dead Redemption um jogo bom, mas sem características que o tornem único e obrigatório. Recomendado principalmente para os que apreciam a ambientação de western, pois nisso ele é simplesmente perfeito!

 

Plataforma: PS3 e Xbox 360

Nota: 7,5

3 Comentaram...

Joelma Alves disse...

Um pouco de exagero dizer q a história d RDR é fraca,né?!Confusa,principalmente no começo do jogo,ela é,mas qndo o John começa a falar um pouco mais sobre a sua vida e descobrimos pq ele realmente tem q achar os antigos companheiros de gangue começa a ficar melhor. Achei a história até profunda, se analisarmos o final, qndo conseguimos prender/matar td nossa antiga gangue e passamos um tempo razoável com nosso filho e esposa(parte chata do jogo), e tbm nos mostra o que os poderesos fazem,usam as pessoas pra fazer seu trabalho sujo e qndo este está feito eles se livram do executor da tarefa, a famosa 'queima de arquivo'.A esposa do John tem até ciúmes dele com akela fazendeira que ajudou a gente no começo do jogo...Uma história que envolve 2 mulheres, meu amigo,É complexa!
Adorei esse jogo,então qlqr coisa q eu dizer pode ser considerado puro puxa-saquismo, mas tbm deve-se ressaltar os animais que vc encontra por esse jogo!!E que vc pode caçá-los e vender praticamente qlqr coisa deles, carne, pele, dentes...Tenho q confessar q essa foi umas das minhas maiores diversões no jogo,caçar td tipo de bichos, principalmente os Cougars, que eram difíceis de matar mas valiam a pena($)!!
RDR é um ótimo jogo, com missões variadas e liberdade pra fazer missões extras. #PERFEITO ^^

Arty disse...

Sem querer parecer prepotente de julgar o que você acha ou deixa de achar... mas jogo merecia, no mínimo, 8,5.

E outra, o principal problema você nem citou!:(
O jogo tem bugs gritantes algumas horas, no 360 e falando com meu amigo descobri que também acontece no PS3.

Concordo que a história fica confusa, ainda mais em tantas histórias paralelas, chega ao ponto de poder até esquecer o plot inicial do jogo.

deABREU disse...

sério, gente. uma resenha atrasada meses não tem sentido de existir. quem queria jogar já jogou, quem queria saber se o jogo é bom já leu todas as resenhas que saíram.

vcs precisam se agilizar mais nessa parte... o resto do site é todo mto bom, as resenhas de games ficam piores ainda, com esse contraste

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo