quinta-feira, 22 de julho de 2010

Avatar Voz do Além

Parabéns Justiça Carioca, tomou uma atitude pior que a existência do Orkut

 

image

Aposto que o técnico de informática da Procuradoria é o moleque acima…

É até meio natural que autoridades queiram mostrar serviço, afinal, eles têm um mundo de contribuintes que, teoricamente, podem cobra-los, pois autoridades são pagas por eles. De preferência, mostrar serviço com muito alarde. Se aprofundando um pouco mais, a coisa funciona mais ou menos assim (de uma forma bem generalizada, é claro): os jornais selecionam notícias de crimes usando valores-notícias compatíveis com os interesses econômicos e ideológicos da empresa que os controla - e também das empresas que publicam propagada por lá, geralmente -; o povo fica apavorado com esses crimes e passa a “cobrar” por melhorias naquela área de deficiência. Bom, a parte do povo cobrar pode ser pulada, os jornais mandam mensagens diretamente para políticos, que somente têm medo de perderem votos nas próximas eleições.

Na prática: suponhamos que Eu seja o Editor-Chefe d’O Estado de São Paulo. Pois bem, duas quadras a frente da sede do jornal tem um quebra-mola depois de uma curva, e o motorista da empresa sempre passa por ele correndo quando vai entregar os jornais no meio da madrugada. Como consequência, perde muitos jornais com o solavanco na caminhonete de entrega. O bendito não aprende que tá dando prejuízo a empresa, e como ele é muito bom, o RH do jornal (ou da distribuidora) não quer demiti-lo. Numa reunião do conselho da empresa, alguém me mostra o problema, e Eu penso numa solução imediata: destaco um repórter só pra ficar colhendo informações da região próxima ao quebra-mola da discórdia. Mando publicar um monte de reportagens negativas sobre o quebra-mola, sobre como ele atrapalha o trânsito na região, como é desnecessário, em como ele literalmente quebra molas de carros… tudo para criar um clima que faça com que a prefeitura arranque o quebra-molas de lá e os prejuízos com jornais caídos na estrada cessem. São assim que as coisas funcionam - só que aumente a proporção de tudo, usei um exemplo bem diminuto.

 

E hoje, segundos os jornais, uns 97% dos nossos problemas estão na internet. É por culpa da internet que senhas de bancos são roubadas - eles só esquecem de dizer que os bancos preferem as coisas assim, pois é mais barato indenizar os eventuais clientes que reclamam dos roubos, do que mudar todo o sistema de segurança -; é por culpa da internet que as crianças são molestadas - e não por causa de familiares tarados, que são os culpados por 90% dos casos de abusos sexuais de crianças… enfim, a internet é a grande vilã do mundo moderno, é preciso colocar o olho nela. Um dia desses troquei idéia com algumas pessoas que sabia que tinham pouco contato com a internet, só para tentar verificar a qualidade das informações que elas recebem de veículos de comunicação não-especializados. Boa parte delas tinha o maior medo de sequer tentar usar a Rede, pois pensava que poderia ter toda a sua vida exposta lá, seus documentos roubados, cartões clonados e tudo o mais. Logicamente que é possível que isso ocorra, principalmente para pessoas que não sabem regras de segurança básicas, mas o tom vilanesco passado pelos jornais passa longe da realidade.

E é exatamente por isso que as autoridades precisam mostrar serviço - por isso e porque também não parecem entender a dinâmica real da web. Só assim para explicar que a Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro queira fechar o Orkut - fechar ou policiar, opção que parece ser mais interessante pra eles, com certeza. O motivo seria o fato do Orkut ter virado “palco de condutas ilícitas e criminosas". Os crimes são os de sempre, e incluem pedofilia, falsificação de identidade, apologia ao tráfico, essas coisas.

A Procuradoria entende que o Google não é diretamente culpado pelas merdas que rolam no Orkut, mas peca por deixar o site com erros no controle de conteúdo dele, como na identificação dos usuários que acessam e postam nas páginas da rede social semi-moribunda. E para levar essa idéia a frente, eles usaram o instrumento que têm: entraram com uma ação civil pública contra o Google Brasil.

A empresa dos 100 Zeros tem 120 dias para se mexer e cumprir as exigências lindas que a Procuradoria está pedindo: manutenção de IPs, registro de acesso a comunidades, desenvolvimento de um sistema que identifique perfis, comunidades ou tópicos dedicados a pedofilia (o crime do momento, pelo visto) ou outro tipo de crime. Caso encontre, o Google deve “comunicar a existência ou suspeita de existência imediatamente ao Estado”. Se o Google rasgar o processo no melhor estilo José Carlos Gratz, a Procuradoria preparou uma medida especial: ela requer que "o serviço oferecido pelo site seja interrompido e o Google sofra multa não inferior a R$ 100 mil por dia".

 

Continuo com a mesma opinião do texto sobre registro de blogs: só uma forma de controle e de mostrar serviço, que vai se mostrar bem inútil. Políticos não entendem que redes sociais nada mais são que reflexos de uma sociedade e apenas espelham crimes que estão acontecendo fora do ambiente da internet. Redes internacionais de pedofilia não vão utilizar Orkut para cometer crimes - e a Polícia sabe muito bem disse -; lá só serão achados catarrentos que possuem pastas “Pornografia Infantil” como uma forma de ser chamado de “mUleKU pIraNHU”. Também não parecem entender que se uma pessoa está dizendo que vendeu dois quilos de cocaína na esquina de um quarteirão qualquer, é porque a polícia não esteve presente para impedir. E como creio que muita gente que tem esse tipo de comportamento no Orkut acessa a internet por lan houses, creio que a próxima medida da Procuradoria seja pedir RG e CPF pra usar uma lan house. Pra completar as medidas, eles também querem obrigar o Google a veicular propagandas em jornais, rádios e TV, em horário nobre (forma de dar dinheiro para essas redes? Não sei, não sei… tirem suas próprias conclusões) para alertar as pessoas do risco do uso do Orkut e da internet (isso é trabalho do governo, mas tudo bem, vamos economizar dinheiro do contribuinte).

Se é pra controlar tudo, que registrem toda a conversação que rola na intranet (os papos nos corredores também, por favor) da Câmara dos Deputados, do Senado, do Superior Tribunal de Justiça, Supremo Tribunal Federal e do Palácio da Alvorada… corto meu braço direito e dou pro primeiro cachorro magrelo que surgir na rua se não encontrarem mais crimes nesses lugares em 24 horas, do que no Orkut inteiro em um ano.

 

[Via G1 e IDG Now!]

10 Comentaram...

Alan Cosme disse...

Isso é moda. Já já passa e todo mundo esquece. Traçando paralelos com outros assuntos é fácil notar que de vez enquando os jornais escolhem um vilão da vez. Teve época que estava numa febre pra acabar com a raça pitbull, outro dia queriam proibir o Jiu Jitsu, outra época queriam acabar com raves, o RPG também. Como sempre, passa um tempinho e o povo esquece esse vilão e escolhe outro. Alguém ainda lembra da lei seca?

Juan Franco disse...

"E como creio que muita gente que tem esse tipo de comportamento no Orkut acessa a internet por lan houses, creio que a próxima medida da Procuradoria seja pedir RG e CPF pra usar uma lan house."

Pois a lei existe, trabalho em uma lan house que obriga os clientes a mostrarem a identidade. O que acontece é que a maioria das Lan Houses não cumpre a lei mas ela existe no RJ. Leia o texto da lei na íntegra!

http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/contlei.nsf/e9589b9aabd9cac8032564fe0065abb4/24e1ccc495aa63338325739a007ad233?OpenDocument

Panthro disse...

Aqui no Rio cobram (estou no Rio no momento). Mas acho que é lei local, pq em São Paulo, em Salvador e em Vitória nunca me cobraram.

Aleatório disse...

@Juan Franco e @Voz aqui em Florianópolis é lei municipal que cada lan house tenha câmeras de segurança e que seja cobrado o RG e o CPF das pessoas na hora de se fazer um cadastro =/

Eu devo ser muito alienado (eu sei que eu sou um pouco), mas onde que está dando essas notícias de que a internet come criancinhas?

invitro disse...

@Aleatorio
A internet é acusada de facilitar pedofilia e etc e talzzz...

Informação nunca é bem vista por quem quer o povo cada vez mais alienado... Por mim o orkut fecha, mas vai continuar existindo facebook, Hi5, fóruns de discussão, blogs... etc... etc... etc... Daí vão limitar e monitorar o acesso às paginas 'supeitas' e então a censura volta a ativa, e por fim teremos mais um ministério com mais ministros para não trabalharem em nenhum caso que realmente importe...

Ótimo!

Moziel T.Monk disse...

Como o Alan Cosme falou, a imprensa vive de inventar "bichos-papões". Há um texto beeem antigo de H.L.mencken onde ele disseca esse aspecto da imprensa. Isso lá nos EUA dos anos 20 do século passado. MAs ao ler o texto dá pra ver que pouca coisa mudou: http://prof.reporter.sites.uol.com.br/insultos.htm

Gardenaro disse...

Exelente texto, parabéns!

Marcello disse...

Olá.
Excelente texto.

Primeiro que o Ministério Público do RJ não tem o que fazer né ???

O tráfico de drogas é controlado por políticos e gente graúda e ninguém mexe uma palha para mudar isso.

Outra coisa, dizer que a internet é fonte de criminosos é pura bobagem, é apenas mais um canal que os vilões usam para conseguir uma graninha, mesmo antes da internet ser criada já havia pedófilos,ladrões,apologia ao tráfico.
Sobre pedófilos, acho que cabe aos pais vigiar sim o que os filhos fazem na net, o que em 90% dos casos não acontece e depois vão chorar culpando...a internet.

Seu texto é esclarecedor e realista, hoje os jornais só publicam o que é conveniente pra eles.

Grande abraço.

Henrique disse...

Adorei a ideia, e sendo sincero: O Google poderia ter fechado o Orkut muito, mais muito antes que isso...

eu disse...

Olha não vi nenhuma meio de comunicação, GRANDE MIDIA MANIPULADORA, defendendo esses absurdos de fechar isso e aquilo, mas na verdade essa merda toda e a promotoria, que é ligada ao pt, querendo mostrar trabalho, essas merdas todas esbarram na verdade nas leis, eles simplesmente não pode exigir que o a internet cumpram o papagueá dos país

Postar um comentário

Mostre que é nerd e faça um comentário inteligente!

-Spams e links não relacionados ao assunto do post serão deletados;
-Caso queira deixar a URL do seu blog comente no modo OpenID (coloque a URL correta);
-Ataques pessoais de qualquer espécie não serão tolerados.
-Comentários não são para pedir parceria. Nos mande um email, caso essa seja sua intenção. Comentários pedindo parcerias serão deletados.
-Não são permitidos comentários anônimos.


Layout UsuárioCompulsivo